Terca-Feira, 26 de Janeiro de 2021

Dados apontam que mortes por atropelamentos na grande Cuiabá subiram 13% em 2020




COMPARTILHE

De acordo com dados da Delegacia Especializada em Delitos de Trânsito (Deletran) a Grande Cuiabá registrou 26 mortes por atropelamentos entre 1ª de janeiro e a última sexta-feira (27).

O número é 13% maior do que o total de 2019, quando Capital e Várzea Grande registraram 23 mortes de pedestres em acidentes de trânsito. Das 171 vítimas fatais totais deste ano, 15% eram pedestres.

Os dados do Dados da Delegacia Especializada em Delitos de Trânsito (Deletran) mostram que as vítimas estão mais vulneráveis, pois a taxa de mortalidade neste tipo de acidente cresceu. Foram 264 atropelamentos em 2019 e, este ano, o número caiu para 134, mostrando que no ano anterior, 8% dos atropelamentos foram fatais, enquanto que este ano, 19% dos acidentes resultaram em mortes.

Também de acordo com a Seguradora Líder, que administra o seguro Dpvat, mostram que entre janeiro e outubro de 2020, dos 3.195 pagamentos feitos às vítimas de acidentes em Cuiabá, 2.970 foram para pedestres vítimas, representando 93% do total. Dois casos recentes ganharam repercussão, pois envolveram idosos. No dia 5 de novembro, Estevina Augusta Damasceno, 75 anos, morreu após ser atropelada por um motociclista, ao tentar atravessar uma rua no bairro Carumbé. O acidente foi registrado por câmeras de segurança de um comércio.

Na noite de 13 de novembro, Ulbaldino Martins de Arruda, 65 anos, morreu ao ser atropelado por uma motocicleta. Ele tentava cruzar a avenida Miguel Sutil, ao final da trincheira do bairro Santa Rosa, em um ponto sem faixa de pedestres. Ao saber de sua morte, a esposa morreu de mau súbito.

Outro caso ocorreu na última quarta-feira (23), na avenida Fernando Corrêa da Costa. Um atropelamento de pedestre resultou na morte do piloto da motocicleta envolvida no acidente. O pedestre Josuel Rodrigues Lisboa, 54, atravessou a via fora da faixa de pedestres e foi atingido pelo motociclista Ricardo Oliveira Lima, 24, que perdeu o controle da moto e caiu na pista. Nesse momento, foi atropelado por um coletivo e morreu na hora. O acidente foi por volta das 21h. O pedestre sofreu lesões, sem risco de morte.


Autor:AMZ Noticias com Gazeta Digital


COMENTÁRIOS:
O AMZ Noticias não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - AMZ NOTÍCIAS Para reproduzir as matérias é necessário apenas dar crédito ao Amz Notícias